sexta-feira, 28 de novembro de 2014

A Arte Cretense

Contrariando todo tipo de arte existente no período pós-paleolítico, a arte da civilização Cretense ou Minoica, era pictórica, colorida e espontânea, fugindo ao formalismo geométrico que reinava naquele período. Durante todo tempo em que reinou o estilo geométrico abstrato, a arte Cretense evoluiu em separado, talvez por causa do culto e da religião desempenhar um papel secundário na vida dos Cretenses, ou talvez, quem sabe por essa civilização estar apenas voltada para o comercio e economia daquela ilha. O fato de o comerciante ser mais propenso as inovações e a mudanças, tivesse sido o diferencial que fez surgir essa arte

Apesar dessa arte ser ainda aristocrática e cortesã, ela estava nas mãos de artistas de origem humilde, patrocinados pelos poderosos, que praticavam o diletantismo e o divertimento, num estilo delicado e elegante, um estilo cavalheiresco, que favorecia o surgimento desse tipo de arte.

Comparada à arte Egipicia e Mesopotamica a arte Cretense é mais moderna. Esse caráter modernista talvez estivesse ligado à fabricação, tendo que produzir mais, o artista produzia obras praticamente em série, sem se preocupar com perspectivas ou sombras. Seria uma arte industrial, feita principalmente para o mercado exportador. O que em nada diminui o seu valor, como obra de arte.

fonte das imagens: mondopulpo.blogspot.com

0 comentários:

Postar um comentário

Caso tenha gostado do que encontrou aqui, comente o artigo que acabou de ler.