segunda-feira, 6 de abril de 2015

Museu do Louvre (Musée du Louvre)

Construído por Napoleão, no Palácio do Louvre, no centro de Paris, mais precisamente entre o Sena e a Rue de Rivoli, é um dos mais conhecidos e famosos museu do mundo. Detentor de um dos maiores acervos, contem obras fantásticas, entre elas: Mona Lisa, Vitória de Samotrácia, Vénusde Milo, coleções de obras de arte do Egito antigo, obras dos artistas clássicos Europeus, Ticiano, Rembrandt, Goya, Renoir e obras de artesanato do Mestre Vitalino de Caruaru - PE.



O palácio Real do Louvre foi aberto em 8 de Novembro de 1793. O pátio central é ocupado agora pela pirâmide de vidro e encontra-se na linha central dos Champs-Élysées. Sabe-se que o Museu do Louvre, foi o mais visitado em todo o mundo, atingindo em 2007 um publico estimado em 8,3 milhões de pessoas.


Coleções do acervo, algumas obras e autores: Artes decorativas Durand, Revoil, Sauvageot e Campana. Antiguidades egípcias:
Papiros, múmias, amuletos, vestuário, joalheria, instrumentos musicais, jogos e armas, famoso Escriba sentado, uma faca de pedra e marfim de Gebel-el Arak com punho decorado com cenas de guerra e de caça, a Estela do Rei Serpente, a cabeça do rei Djedefre, a estátua de Amenemhatankh, o Portador de oferendas, o busto de Akhenaton, e a estátua da deusa Hator, sarcófagos ricamente pintados, frascos para cosméticos e objetos votivos.
Arte grega, romana e etrusca:
Vasos, cerâmicas, marfins, afrescos, mosaicos, vidros e bronzes de várias procedências, Dama de Auxerre, a Vitória de Samotrácia, a Vênus de Milo, os retratos de Agripa, Marcellus e Marco Aurélio, o Gladiador Borghese, o Apolo de Piombino, a Diana de Versalhes, o Hermes amarrando as sandálias, e o vaso Hércules e Anteu, de Eufrônio.
Arte islâmica: Píxide de al-Mughira, uma caixa de marfim da Andaluzia; o Batistério de Saint-Louis, uma bacia de metal do período Mamluk; fragmentos do Shahnameh, um poema épico de Ferdowsi escrito em persa, e o Vaso Barberini, um vaso de metal da Síria.
Antigüidades do Oriente Próximo: Estela dos Abutres, as estátuas de Gudea e de Ebih-il, touros alados de Khorsabad, capitéis tauromorfos e painéis de azulejos esmaltados de Susa, e o Código de Hamurabi.
Pintura:
Rafael e Michelangelo, Leonardo da Vinci, Pietá de Avignon, de Enguerrand Quarton; o Retrato do Rei João, o Bom, de Jean Fouquet; o Retrato de Luís XIV de Hyacinthe Rigaud; a Coroação de Napoleão e O Juramento dos Horácios, de Jacques-Louis David, a Grande banhista de Ingres, e A Liberdade guiando o Povo, de Eugene Delacroix,Nicolas Poussin, Georges de La Tour, Charles Le Brun, François Boucher, Antoine Watteau, Jean-Honoré Fragonard, Jean-Baptiste Chardin, Jean-Baptiste Greuze, Horace Vernet, Camille Corot, Jean-François Millet e Antoine-Jean Gros entre outros.
Esculturas:
Jean Goujon, Simon Guillain, Jean-Louis Lemoyne, Germain Pilon, Antoine Coysevox, Guillaume Coustou, Nicolas Coustou, Étienne Maurice Falconet, Louis Petitot, Philippe-Laurent Roland, Pierre-Nicolas Beauvallet, Edmé Bouchardon, Jean Antoine Houdon, Augustin Pajou, Jean-Jacques Pradier, Jean-Baptiste Pigalle e François Rude. Dentre os estrangeiros são figuras principais Gregor Erhart, Antonio Canova, Giambologna, Adriaen de Vries, Francesco Laurana, Andrea e Giovanni della Robbia, Lorenzo Bartolini
fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Museu_do_Louvre

0 comentários:

Postar um comentário

Caso tenha gostado do que encontrou aqui, comente o artigo que acabou de ler.