terça-feira, 22 de setembro de 2015

Artesanato no Egito Antigo

Artesãos, camponeses profissionais liberais e comerciantes, formavam a maior parte da população egípcia. Mas eram os artesãos que tinham mais regalias entre todos. Alguns tinham direito a ter sua própria tumba, privilegio da elite e dos faraós. Tinham serviço garantido na ornamentação dos templos e palácios. Formavam uma classe privilegiada e moravam em vilas e alguns até possuíam sua própria oficina.


No reinado de Tutmósis I, existiam aldeias de artesãos com túmulos e capelas para seus próprios deuses. Era direito dos artesãos receberem salários em espécie e também cereais, carnes, vinhos e sal, mas na 20ª dinastia houve atrasos nos pagamentos, tendo havido inúmeros protestos. O artesanato era muito valorizado no Egito antigo, isso garantiu que os artesãos conquistassem sua liberdade e alguns direitos.

fonte: Grandes Impérios e Civilizações

0 comentários:

Postar um comentário

Caso tenha gostado do que encontrou aqui, comente o artigo que acabou de ler.