segunda-feira, 30 de maio de 2016

O Senhor dos Anéis a Trilogia de J. R. R. Tolkien

O Senhor dos Anéis
A trilogia de J. R. R. Tolkien se tornou um filme de sucesso mundial.


O Senhor dos Anéis (título original em inglês: The Lord of the Rings) é uma trilogia de livros de alta fantasia escrita pelo escritor britânico J. R. R. Tolkien. A saga começa como sequência de um livro anterior de Tolkien, O Hobbit, e logo se desenvolve numa história muito maior. Foi escrito entre 1937 e 1949, com muitas partes criadas durante a Segunda Guerra Mundial. Embora Tolkien tenha planejado realizá-lo em volume único, foi originalmente publicado em três volumes (The Fellowship of the Ring, The Two Towers e The Return of the King) entre 1954 e 1955, e foi assim, em três volumes, que se tornou popular. Desde então foi reimpresso várias vezes e foi traduzido para mais de 40 línguas, e vendeu mais 160 milhões de cópias, tornando-se um dos trabalhos mais populares da literatura do século XX.


Como se retoma o curso de uma antiga vida...
como se segue em frente...
quando, no íntimo, começa-se a entender...
que não há volta?
Há certas coisas que o tempo não pode curar.
Algumas feridas são tão profundas...
que nos acompanham para sempre.
J. R. R. Tolkien
O Senhor dos Anéis

fonte: http://pt.wikipedia.org/

sexta-feira, 20 de maio de 2016

As Portas da Percepção - Aldous Huxley

Um livro para se ler com cuidado e atenção. Literatura para adultos.

"Se as portas da percepção estivessem limpas, tudo apareceria para o homem tal como é: infinito."

Baseado nesta citação, Huxley assume que o cérebro humano filtra a realidade de modo a não permitir a passagem de todas as impressões e imagens que existem efetivamente. Se isso acontecesse, o processamento de tal quantidade de informação seria simplesmente insuportável. De acordo com esta visão das coisas, algumas drogas poderiam reduzir esse processo de filtragem, ou "abrir as portas da percepção", como é dito metaforicamente.

Aldous Huxley foi um dos primeiros escritores do século XX a estudar as 'mudanças objetivas' provocadas pelo uso das drogas de excursão psíquica. Os resultados dessas investigações estão reunidos em 'As portas da percepção,' de 1954, e 'Céu e Inferno,' de 1956. No primeiro ensaio, o autor descreve sua experiência com a mescalina, um alcaloide extraído do peiote, um cacto mexicano. Já no segundo ensaio, Huxley prossegue no exame das implicações mentais e éticas dessa experiência.


As Portas da Percpção
Autor: HUXLEY, ALDOUS
Idioma: PORTUGUÊS
Editora: GLOBO
Assunto: Filosofia
Edição: 2
Ano: 2002

fonte: 

sexta-feira, 13 de maio de 2016

Uma Varanda sobre o Silêncio – Josué Montello

Romance que trata do amor materno de Luciana, dilacerado nos absurdos de nossa época. O desaparecimento de Mário Júlio leva sua mãe a uma desesperada busca, que esbarra em mistérios relacionados ao governo e ao terrorismo no Brasil.

Sobre o Autor: A obra construída por Josué Montello é assombrosa, pois abrange uma significativa variedade de meios de expressão - do romance ao teatro, do artigo jornalístico ao ensaio histórico. Sua prosa é elegante e fluída, passando ao leitor aquela enganadora sensação de ter sido escrita de forma ligeira, fácil, sem esforço aparente. 


Uma Varanda sobre o silêncio – Josué Montello
Editora: Nova Fronteira
Ano: 1984
Cidade: Rio de Janeiro
Referência: Romance Brasileiro

terça-feira, 10 de maio de 2016

Olhos de Cão Azul - Gabriel Garcia Marquez

Olhos de Cão Azul (Ojos de Perro Azul no título original) é um livro do escritor colombiano Gabriel García Márquez que reúne onze contos escritos pelo autor entre 1947 e 1955. É uma introdução à obra particularíssima do autor de clássicos da literatura como Cem Anos de Solidão e O Amor nos Tempos do Cólera

Gabriel García Márquez nasceu em 1928 na pequena cidade de Aracataca, na Colômbia. Cresceu ao lado de seu avô materno, um coronel da guerra civil no princípio do século. Estudou num colégio jesuíta e posteriormente iniciou o curso de Direito, logo abandonado em virtude de seu trabalho como jornalista.

Reunindo onze contos escritos entre 1947 e 1955, "Olhos de Cão Azul" é uma introdução à obra particularíssima de Gabriel García Márquez. Nestas histórias, o autor colombiano apresenta as perspectivas, os motivos, a liberdade e a fantasia de um estilo que iria desenvolver em obras que o consagraram como um dos maiores escritores do século. O tema central desta coletânea é a morte. Apresentando-se de diversas maneiras, ela é uma presença inevitável, resumo de toda uma experiência de vida que define os personagens. 


fonte: 


terça-feira, 3 de maio de 2016

O Menino Maluquinho - Ziraldo

O Menino Maluquinho é um livro infanto-juvenil brasileiro de 1980 criado pelo desenhista e cartunista mineiro de Caratinga conhecido por Ziraldo Alves Pinto

Apresenta as histórias e invenções de uma criança alegre e sapeca, "maluquinha". São cartuns e atividades que descrevem liricamente o sabor da infância.

O livro é um sucesso, mais de dois milhões e meio de exemplares foram vendidos até hoje, muito conhecido pelas crianças, o livro serviu de inspiração para uma peça teatral, filmes, histórias em quadrinhos e uma série de TV de mesmo nome. Várias escolas o utilizam como forma de incentivo à leitura para seus alunos.


O MENINO MALUQUINHO
autor: Ziraldo